GameCultura

O Game como forma de cultura....

ENGLISH AS WE SPEAK - See this page in Google English
Tá rolando o I concurso do blog!
Não deixe de participar

19 outubro, 2005

CAFÉ PEDAGÓGICO - GAMES

29 de outubro, na Internet Livre do Sesc Pompéia

A educação sempre apresentou o conhecimento através dos meios mais diversos, e até mesmo inusitados,
como as traquitanas mais engenhosas das quais tomamos conhecimento, até chegarmos nas possibilidades de nossa realidade digital. E os jogos, já há muito tempo, são um reconhecido instrumento que exercita diversos elementos no educando, não para uma área específica, mas para diversas atividades nas quais eles irão se envolver.
Assim, no próximo dia 29 de Outubro, vai haver o café pedagógico com o Roger e o Felipe, na unidade do SESC Pompéia.

Os jogos eletrônicos têm sido destaque nos meios de comunicação de massa, sendo consumidos e com grande aceitação, principalmente entre jovens. Retratados como vilões da aprendizagem, os jogos eletrônicos necessitam de estudos sem o deslumbramento inicial, e livres de preconceitos. A utilização de jogos na educação não é novidade. Teóricos e educadores como Fröebel, Decroly, Piaget, Comênio e Kergomard discorrem sobre a utilização de jogos como uma experiência vital no desenvolvimento e aprendizado do indivíduo. Tentar compreender o universo que envolve os jogos é crucial para implementar aplicações criativas em aulas. Baseando-se em jogos eletrônicos, a proposta deste café pedagógico é uma experimentação com jogos já existentes, apresentando possibilidades de utilização de jogos de gênero aventura e estratégia, por exemplo, para o desenvolvimento de competências em aula.

Dia 29. Sábado, das 9:30 às 12:30.
Inscrições a partir de 1/10.
Central de Atendimento, 3871-7700

17 outubro, 2005

Seminário Bahia 1o dia

Opa, postando aqui de São Paulo
quer dizer que não deu tempo pra voltar na lan house, embora eu tenha descoberto uma Cyber (franquia daqui de sampa), do lado do meu hotel, o Ibis, deu pra dar uma passeada com o pessoal da Estácio de Sá, do Rio de Janeiro.Abertura do Simpósio com a Lynn Alves

O seminario todo foi otimo. O primeiro dia foi composto de 3 mesas de debates, embora como sempre quase não sobre tempo para os debates. Mesa de Narrativas, Desenvolvimento e Educação. Como cheguei a comentar, faltou uma mesa sobre jogos, mas isso é comum em todos congressos e simpósios sobre jogos. As pessoas estudam tudo ao redor dele, e esquecem do próprio.

No fechamento do dia, o Esteban apresentou-nos a idéia em gestação da Rede Nacional de Jogos Educativos, embora sugerido, e eu concordo, de mudar para Rede Nacional de Jogos e Educação.
Metade da turma mais animada do Simpósio
Depois fomos atrás do tal Acarajé da Dinha, embora um bom baiano nos advertisse que exitem outros melhores. Segue a foto do acarajé party, e de nosso Poeta, Adivinho, Cicerone, dei laó o nome...
Foi uma festa com apenas 6 pessoas, mas animada com direito a aniversário e tudo. O pessoal do seminário era bem legal, mas bem devagar pra sair tb. Que pena.
Espero que venham mais animados para o SBGames, fim de novembro na USP.

Seminário Bahia 2o dia

Ok, se o primeiro dia já foi bom
o segundo foi melhro ainda

Foi o dia dos GRUPOS DE TRABALHO, GT'S, e aí pudemos ver o que todos nossos irmãos desbravadores andam fazendo em termos de GAMES e educação. Reparem qGT de Games em Educaçãoue eu não usei a palavra jogos, foi games mesmo, só jogaço, de The Sims à SimCity e até Counter Strike.
Não posso deixar de comentar que gostei muito do trabalho da Gisele e da Márcia com o Counter Strike. Me lembrei quando apresentei o meu trabalho Jogos de Tiro em Educação, e ninguém acreditava, achavam que eu tava só me divertindo com a cara deles....
Na primeira foto, o GT de Games e Educação.

O meu trabalho ficou a cargo do GT de desenvolvimento, sob a coordenação do Esteban, acho que o único homem que tem mais clones do que eu, ou eles tem mais suporte....
Mostrei além do meu paper, uma introdução ao Game Design para os professores, a gamearte que fiz com o Felipe Neves: INVISIBLE WAR::DOMINAÇÃO::FASE 1.Parte da audiência durante a mesa de desenvolvimento. Metade já tinha ido almoçar...
Dei uma sondada antes, e acho que devia ser a primeira vez que a maioria lá ouviu falar em gamearte, arte com suporte em game. Por isso achei importante não ir embora sem mostrar a todos esse trabalho.

Como eu não pude tirar foto de mim mesmo, tirei da audiência. Com vocês, parte dos heróis interessados em motivar e turbinar a escola através de uma linguagem poderosa e contemporânea, o videogame.

Seminário Bahia - Conclusões

Se depender dessa turma de heróis desbravadores
os processos educacionais ainda tem salvação

É uma pena que a área de games ainda esteja tãó apontada para comércio e entretenimento, enquanto as conferências sobre games e educação passam tão ao largo do sucesso de público. Se ainda existe tanto preconceito quanto à area de games, quando se trata de games e educação a situação fica pior ainda. Não são só os professores e as instituições que ainda ficam tão longe dessa possibilidade, mas muitos alunos ainda acham que educação é uma espécie de remédio, amargo e dolorido, e que só surte efeito desse jeito.

Se você quiser ver o que esses professores têm pra falar, acesse o site dos trabalhos do evento, e leia-os (download grautuito). Todos tem os emails para conversar sobre esse assunto tão controverso, e ao mesmo tempo tão estimulante.

http://www.comunidadesvirtuais.pro.br/novastrilhas/index.htm

13 outubro, 2005

Oficina de RPG



Recentemente comecei a apresentação de algumas oficinas na unidade do SESC Pompéia , que espero ser um precedente para uma série de outras nas outras unidades.
Misturando atividade com jogos rolando para os participantes, apresentação no telão, e um tutorial, a oficina de RPG (Roleplaying Game ou - Jogo de Representação), dividida em duas partes: Uma com a história da criação dessa modalidade de contar histórias, a popularização do jogo, as possibilidades de histórias e os elementos do qual ela se utiliza como entretenimento e atividade intelectual; a outra com a criação de um sistema de jogo de RPG, a constituição das histórias e da ambientação, e dos elementos citados anteriormente transportados para a versão eletrônica, teve uma boa repercussão nos seus dois primeiros dias, 8 e 9 de Outubro.


Vou repetir a dose no dia 22, com as duas partes sendo no mesmo dia das 12hs às 13 hs e das 17hs às 18hs.

09 outubro, 2005

Seminário na Bahia

Ok pessoal, já estou na Bahia para o SEMINÁRIO JOGOS ELETRÔNICOS NA EDUCAÇÃO: CONSTRUINDO NOVAS TRILHAS, organizado pela Lynn Alves, do livro Game e Violência

Aguardem meus comments aqui

Segue o links pra vocês ficarem com vontade:
Programação do seminário
http://www.comunidadesvirtuais.pro.br/pro_1.htm

Organização:
UNEB – Departamento de Educação – Campus I (Salvador)
Mestrado em Educação e Contemporaneidade – Linha de Pesquisa Formação de professores, Currículo e Tecnologias da Informação e Comunicação – Campus I –
Informações – www.comunidadesvirtuais.pro.br Inscrições: 01/09 a 08/10/05 Local: Departamento de Educação da UNEB – Cabula


Roger Tavares
Direto da Monkey da Bahia mainha